Não concorde se você não concorda!

Quando pequena, costumava ouvir dos mais velhos que “quem vai na cabeça dos outros é piolhos”. Ora pois, em poucos anos de vida, deparei-me então com os “piolhos” do mundo!

Algumas pessoas simplesmente não existem. Passam suas vidas fingindo viver, ser um “eu” no mundo. Não quero menosprezar ou anular existências, muito menos exaltar quaisquer pessoas que se encaixem no padrão oposto, mas tem gente que vive pela cabeça dos outros.

Não tem voz, vez e muito menos opinião. As respostas constantes são concordâncias. Tudo está bem, tudo está perfeito e as ideias dos outros são sempre boas o suficiente. Tudo sempre lhes agrada e nunca tem uma ideia.

Tudo bem, muitas pessoas são presas pela vergonha e pelo medo. Afinal, quem nesse mundo é obrigado a falar? Tem gente que não nasceu para gostar de falar, ser o centro das atenções, se expor em público. Mas, algumas pessoas, estão totalmente alienadas e acomodadas. É fácil impôr sua opinião, não pensam!

Eu acho que um dos grandes males dos últimos anos, principalmente após a invasão da internet e todas as facilidades proporcionadas, é a formação exagerada de cérebros não pensantes. Tudo fácil demais, e o cérebro com menos vontade. Tudo exterior demais, e o interior com menos beleza. A opinião e os gostos são descartados pela busca do geral, do que está “no gosto do povo”, no que a moda dita.

Falta “eus” no mundo! Falta gente que assume ser gente, que coloca suas vontades acima dos preceitos ditados.

Anúncios
Não concorde se você não concorda!

9 comentários sobre “Não concorde se você não concorda!

    1. Exatamente, mas acredito que a maior parte são alienados, que se enganam pensando que tem opinião e personalidade próprias, mas não passam de fantoches sociais, influenciados pelos padrões ditados! Como você mesmo disse, o correto é estar no meio: ter opinião, ter personalidade mas também saber ouvir, debater, e aceitar ideias contrárias!

      Curtido por 1 pessoa

  1. Nayara Rosolen disse:

    Concordo muito com seu texto! Me vi assim há alguns meses, sempre presa ao medo e a timidez e pra mim acho que é muito mais falta de autoconhecimento… se não nos conhecemos, como vamos saber nossos gostos, nossas vontades e impor nossas opiniões? Precisamos nos enxergar para não deixar que os outros passem por cima de nós.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s